(47) 3520-6604 cerumar@cerumar.com.brÁrea Restrita
Reprodução
Reprodução

Led Zeppelin é processado por plágio na Justiça dos EUA

Um júri de um tribunal de Los Angeles, nos Estados Unidos, decidirá se o lendário grupo de rock Led Zeppelin plagiou o início de sua famosa canção Stairway to Heaven depois que a Justiça admitiu um processo contra a banda britânica, divulgou na segunda-feira o canal de notícias Bloomberg.

O juiz do distrito Gary Klausner em Los Angeles indicou que as notas iniciais de Stairway to Heaven são suficientemente parecidas com as da canção instrumental Taurus , do grupo americano Spirit.

O julgamento sobre o suposto plágio está previsto para o dia 10 de maio em Los Angeles.

O caso remonta a 2014, quando o administrador Michael Skidmore, em representação do guitarrista do Spirit, Randy California, já falecido, apresentou o processo pela similaridade existente entre os temas Taurus , de 1968, e Stairway to Heaven , gravado em 1971.

Spirit e Led Zeppelin tocaram juntos em várias ocasiões no final dos anos 1960.

Segundo Skidmore, o guitarrista do Led Zeppelin, Jimmy Page, pediu a Randy California que lhe ensinasse os acordes iniciais de Taurus .

Jimmy Page, o cantor Robert Plant e o baixista John Paul Jones, os integrantes vivos do Led Zeppelin, argumentaram, entre outros aspectos, que as similitudes entre as duas canções estão limitadas a “uma escala cromática descendente de tons” que é muito popular no mundo da música e que não pode ser suscetível de proteção por direitos de propriedade intelectual.

De qualquer modo, a decisão do juiz Gary Klausner só mantém como acusados de plágio Page e Plant, de 72 e 67 anos, respectivamente.

Considerada uma das bandas mais importantes e influentes da história do rock, o Led Zeppelin começou sua carreira no final dos anos 1960 e fez enorme sucesso na década seguinte, quando lançou, entre outros, o disco Led Zeppelin IV (1971), no qual se encontrava a famosa canção Stairway to Heaven .

 

Fonte: http://musica.terra.com.br/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


+ 9 = catorze